terça-feira, 22 de novembro de 2011

Novos amigos...

   Pelas dificuldades que tenho tido em atualizar o blog, acharia muito improvável o número de "amigos dos amigos" crescer. Entretanto, foi justamente isso o que aconteceu.
   Portanto, com muito mais motivos, desejo a esses novos amigos que entraram - o Fred Cabral, o Kadu Santoro e o Jhonatan, que até já nos ajudou com sua colaboração - um grande abraço, acolhendo-os com o maior carinho.
   Espero que, como já fez o Jhonatan, os amigos possam postar seus comentários, seja sobre o que já foi "começado" a pensar aqui, seja sobre o que eles têm em suas cabeças e que pode suscitar novos pensamentos.
   Grandes abraços e sejam bem vindos! E... já somos 69 "amigos dos amigos"!

11 comentários:

anibal werneck de freitas disse...

Olá Ricardo,
está lembrado de mim, andei escrevendo no seu blog [que está cada vez mais maduro e experiente, meus parabéns] mas não tenho obtido resposta, compreendo, você deve ser muito ocupado, nosso tempo aqui no chão é muito curto, é o tempo, tempo, tempo do Caetano, pois bem, quero aproveitar o ensejo para me direcionar ao Mundi [seu grande amigo] que, também, tomou chá de sumiço, confesso que tenho andado no mesmo compasso dele e, quanto a Clara Maria, ela está na mesma cadência deste samba quadrado, só que o dela é de além-mar, portanto Ricardo, gostaria muito que me fizesse um favor, ou seja, dizer pra ela [Clara Maria] que resolvi transformar os meus 39 blogs em apenas um, INSTANTE, nas versões, português, inglês e espanhol, http://esdobao.blogspot.com/, ela [Clara Maria] estava correta quando me disse, Anibal, você pode concernir todos os seus temas num único blog, do jeito que está eu me sinto perdida, Não foi necessariamente com estas palavras, mas eu vi que ela estava certa e só agora resolvi acatar a sua sábia opinião, e, diga-lhe que estou muito agradecido, e, assim, desde já, o meu muito obrigado.
Abraços,
Anibal.

mundy disse...

Estava lembrando do Anibal ,outro dia, ele escrevia em tantos blogs proprios que acabei me perdendo no acompanhamento deles e acabei que dei uma sumida, por esses e outros motivos, mas como ele agora disse que abriu um novo blog e que este concentre todos , fiz uma visita, eu tambem estou com o tempo tomado meu filhote s e formando no Jardim 3 no dia 2, e a caça de outra escola para o ano de 2012, já que o atula colégio nao possui ensino fundamental, LUIGUI foi devidadmente matriculado em escola publica, nada tenho contra o ensino publico , eu mesmo fiz meu ensino fundamental ate o 4 ano em escola do Governo, mas eu nao imaginava na altura desta minha vida te lo que matricula -lo em escola municipal e mesmo assim com um certa dose de paciencia, as matriculas abriram em 16 de novembro as 8 da matina, e as 6 estava na porta da escola, sendo o primeiro da fila, eis que as 8:01 sou informado que no havia vaga para o meu filho,argumentei com a Diretora da Unidade ser estranho abrir as 8 e as 8>01 nao ter vaga, mas nao resolvi discutir , pois achava perda de tempo e voltava para casa inconformado e pensando vou ter que procurar outros locais, entrando em casa ja aborrecido e muito p da vida, resolvi desabafar com alguns amigos e eis que na sexta dia 18, surgiu uma vaga ,lembvrei que em 2012 tem eleiçao municipal, e as vagas sao usadas para fins politicos, ou seja , apelei para um pistolao e meu filho foi matriculado na escola, é uma pena que em nosso país educaçao de base que deveria ser prioridade, voce só consegue vaga se apelar para pedido politico.Isso é BRASIL.

Ricardo disse...

Caro amigo Aníbal:
Lógico que lembro de você. Aliás, um cara que dá conta de tantos blogs é ineeeeesquecííível! Gostei de saber que essa "potência criativa" ficou mais concentrada. Assim, fica mais fácil de nós - pobres mortais - acompanharmos.
Sobre as seguidas "não-respostas" aos seus comentários, elas se devem às diversas tarefas que têm tomado meu tempo. Aliás, você bem deve ter observado que a atualização do blog está bastante lenta.
Entretanto, num dos últimos posts, respondi a você e ao Jonathan.
Espero que nesse finalzinho de ano letivo seja possível uma atenção ao meu pobre bloguinho. Rsss.
E por falar nisso, depois visito o seu.
Abração.

Ricardo disse...

É compadre... esse nosso país...
O problema é que quando falamos do "país" estamos, na verdade, falando de nós mesmos.
Fico vendo aquelas "interessantíssimas" primeiras damas de várias cidades do interiorzão do Brasil que estão usando dinheiro da merenda das crianças para comprarem "merendas" para suas próprias casas - "merendinhas" que contam com garrafas de vinho e uísque, inclusive. Mas... eis que o pessoal do local não tem muita opção para votar em prefeitos que não sejam os "digníssimos" maridos dessas senhoras. E não tem opção por conta dos partidos só quererem isso mesmo: gente com poder local, que possa oferecer favores minúsculos à população local, a fim de, posteriormente, garantirem favores maiores aos caciques do próprio partido.
O chato é que, aos poucos, temos que ir "dançando conforme a música", como você mesmo fez, a fim de garantir a vaga do Luigui.
Ah, como seria bom se esse fosse um país sério, e você pudesse questionar à senhora diretora que, sendo você o primeiro da fila, no primeiro dia, seria impossível não haver uma vaga para o seu filho, e que, se a tal diretora não o ouvisse, você pudesse apelar à Polícia, a fim de ver seus direitos de cidadão garantidos... Ai, ai... acorda, Ricardo!

anibal werneck de freitas disse...

Ricardo,
obrigado pela resposta, sempre tenho visitado o seu blog e, sei que o seu tempo é curto para corresponder integralmente com o seu movimentado sítio, mas tá batendo em cima, é isso aí, você tem dado conta, continue assim, você merece e tem um potencial muito grande, é isso aí companheiro.
Ainda em tempo, faça uma visita no youtube, tenho postado umas músicas minhas nele, a música é a minha segunda mulher,http://www.youtube.com/watch?v=My_ELDk_W4Q
Um abração,
Anibal.

mundy disse...

Aqui nao é espaço para isso, pois trata se de filosofia, mas um assunto que julgo pertinente a comentar e trazer para o debate, a Justiça do Rio absolveu Adriana Almeida a viuva da megasena , acho no minimo controversa a decisao, apos alegar carencia sexual e por isso trai-lo sistematicamente, uma pessoa correta se separaria, mas tinha uma fortuna envolvida, entao o melhor caminho era a traição, e apos desconfiar que estava sendo desligada do testamento , o marido foi morto, bem é no minimo estranho ue o PM que era acusado de ser amante dela, matou o sujeito e foi condenado e ela absolvida, acho no minimo salutar que os esposos que nao deem conta de suas fogosas mulheres e que tenham um bom patrimonio financeiro fiquem atentos , pois carencia sexual permite a traição por parte delas e um provavel assassinato, olha nao sei porque me surpreendo ainda com a Justiça, e de premio ela vai curtir os cerca de 50 milhoes que cabem a ela numa herança estimada em 100 milhoes, ou seja o crime no caso dela compensou e muito e ainda sai de nome limpo perante a sociedade.

mundy disse...

Caro Compadre, sei que escrever no Portugues correto , vez por outra dou uma escorregada, nao sou muito de usar pontos , virgulas e os acentos por vez os esqueço por preguiça mesmo, mas mesmo assim nao considero me uma pessoa que escreva palavras de forma errada, erro nas pontuaçoes , mas o que quero dizer , é que estou impressionado como atualmente crianças educadas em colégios caros que cobram mensalidades em torno de 2.000 mil reais escreve errado , nosso amigo Lucio, tem dois filhos a Tainá e o Caio, e hoje é aniversario do Caio, entrei no facebook dele para desejar um Feliz Aniversario e deperei me com a seguinte situaçao e espantei me, pois o Caio estuda no Colegio Cruzeiro um dos mais caros do Rio e ele escreveu assidente , o certo é acidente, nao sei se mudou, para descrever um fato acontecido com uma professora dele que falecera no tal acidente, dei uma relevada , pois pode ter sido escrito no nervoso, quando um colega responde dizendo o seguinte, "não fasso a minima idéia", bem nao sei se mudaram a ortografia.Pagar uma mensalidade cara desta num Colegio que ensina , Alemao e
Ingles, mas o Portugues fica esquecido, lembrando que por preguiça nao acentuei algumas palavras, hahahahahahaha, deve ser o mesmo fato que fez Caio escrever assidente e Fasso, preguiça,hahahahahahahahahaha.

Clara Maria disse...

Olá, senhores!!
Só para atestar que ainda estou viva...rs
Ricardo, desculpe o afastamento , mas ele é necessário...A vida tem sido demasiado intensa e corrida.
Aníbal, fiquei contente...assim já não precisarei de bússola para me orientar em todos os blogs..Assim que der entrarei.
Mundy, como está por aí a demanda?
Ah, lembrei-me do Ricardo, fiu ao cinema, com o meu esposo, ver "Um método perigoso", sobre Freud, Yung e uma distinta aluna...Se der falaremos sobre o filme.
Preciso ir.
Abraço aos 3.
Maria

anibal werneck de freitas disse...

Clara Maria,

Finalmente o ar da força de quem está na luta, sou aposentado, mas não estou satisfeito, perdi muitas coisas boas, feriados, sábados, domingos e, por falar em domingo [dia chato], eu os tenho todos os dias, mas em compensação não tenho a famigerada segunda feira, portanto, o pior de tudo é que não consigo mais tirar férias, minha mulher [não reclama], no entanto eu observo que ela está de saco cheio comigo toda hora na cozinha, vida de aposentado não é lá essas coisas, para passar o tempo fico montando blogs, tocando violão, agora comprei um teclado, gosto muito de música, e assim fico torturando minha esposa o dia inteiro, ela não reclama de nada, minha mãe sempre me disse, Filho, casamento é loteria, Pois bem, eu fui premiado.
Clara, deixemos as brincadeiras de lado e vamos ao mais importante, fiquei muito feliz em saber que continua antenada com a gente, nós, de Pindorama, somos assim mesmo, herdamos dos índios, dos negros e de vocês portugueses, uma forte dose de correspondência, daí a cobrança constante, Clara, onde está você, Chega a ser cansativo, mas não tem jeito.
Tenho acompanhado pela internet o seu Portugal e, tem uma coisa acontecendo aí muito importante, o número de ateus está aumentando vertiginosamente, a História está se repetindo, no século XVIII [devido ao ouro das Minas Gerais], o rei proibiu a saída de homens do país, todo mundo queria se enriquecer, as portuguesas iam acabar ficando uma olhando pra cara da outra [hoje, não posso dizer a mesma coisa, os tempos mudaram], pois bem, o mesmo pode acontecer com os não ateus, acabarão em extinção.
Clara,[ confesso que estou abusando do generoso espaço do paciente Ricardo], todavia vou ser breve, eu estou postando minhas composições musicais no youtube, http://www.youtube.com/watch?v=My_ELDk_W4Q são gravações caseiras e tem algumas músicas que são da época em que acreditava no sobrenatural.
Um abração,

Anibal.

Ricardo disse...

Caro Aníbal:
De forma alguma posso concordar com que você esteja "abusando" deste espaço, que não é meu, mas é nosso.
Aliás, por falar em "espaços", fui visitar seu blog. Achei-o ótimo, como os outros que já visitara - com a grande vantagem de estar tudo reunido. Mas... tenho uma queixa a fazer: não consegui postar um comentário. Não me pareceu que fosse um problema meu; afinal, já até me inscrevi como seu seguidor.
De qualquer forma, registro minha satisfação em lá ter ido, e tentarei, em outra oportunidade, deixar novamente um comentário.
Abração,
Ricardo.

Ricardo disse...

Querida Maria:
Não conheço o filme a respeito do qual escreveste...
Mudando o rumo da prosa.
Fui pesquisar e tomei conhecimento do filme, que trata da relação "complicada" de Freud e Jung. Ao que parece, ele só estreará no Brasil em fevereiro de 2012.
Se o meu engenhoso filhote não arranjar um modo de eu ter acesso ao filme antes disso, nossa conversa ficará adiada até lá. Rsss.
Abração.